terça-feira, 1 de novembro de 2011

MAL ENTENDIDO

Engana-se quem acha que nós do Bucho Furado temos algo contra o sistema Gregoriano. O fato é que, entre as demais em João Pessoa, a Arapuan há anos vem sempre se desestabilizando e quem sempre “paga o pato” são os funcionários. Desde a última vez em que venceu no Ibope, a TV Arapuan, perdeu seu rumo e não se encontrou mais. Como nós temos acesso a vários colegas de lá, ficamos sabendo dos tratos e maus tratos ocorridos nos corredores e estúdios. Quando a situação ia bem, não havia melhora nenhuma funcional e como vem há meses perdendo credibilidade e com dificuldade de clientela quem sofre com isso são os que lá trabalham. Desde meados deste ano que quem faz hora extra não recebe e mesmo assim elas são feitas. Isso é um reflexo do tratamento que uma empresa dá quando falta administração correta. Alguns pontos podemos demonstrar e que não precisamos de nenhum informante interno para nos dizer. Dois na realidade. Um deles é o fato de que o dono da emissora não tem conhecimento algum do que se passa nas “entranhas” de uma emissora de televisão. Não foi criado na comunicação. Outro é o fato de que o principal diretor da emissora não tem a capacidade de conquistar seus colegas de equipe e somente usa do tratamento de autoritarismo visando apenas a sua promoção, ou salvação pessoal. Dizem até que existem processos de assédio moral feito por ex-funcionários. Fazendo um paralelo com as demais emissoras não temos conhecimento em nenhuma outra que tenha tratamento igual ou parecido entre a direção e o corpo funcional. As várias postagens que fizemos a respeito das muitas reuniões que acontecem normalmente no sistema Gregoriano, se deu apenas com o intuito de comentar a respeito do andamento dos meios de comunicação no nosso estado. Não há, do nosso lado, nenhuma perseguição com quaisquer pessoas diretamente, mas sim com as perspectivas que envolvem nosso meio e os profissionais envolvidos. Estamos de olho!!!

10 comentários:

Anônimo disse...

"Não foi criado na comunicação." Agora vc foi no ponto. Tem muita gente aqui na Paraíba q é metida com comunicação (publicidade, rádio, TV) não pq gosta da coisa, do ato de levar a informação, transformar mentalidades, mas sim pq num belo dia percebeu q essa é uma área q tem um certo "glamour" (pros patrões), q pode servir de trampolim pra ganhos pessoais, e q obviamente serve pra alimentar vaidades. Transformam a atividade não no fim, mas sim num meio de se promover, pra dar uma de 'interessante', aparecer, como se o produto final fossem eles mesmos. Como boa parte dos patrões encara as coisas assim, os funcionários acabam se tornando meros operários trabalhando em função dos caprichos deles, e todo o ramo enfraquece. Isso sem falar na bajulação e do rapapé mútuo e para com instâncias superiores. No geral td isso é bem deprimente. E profundamente amadorístico.

Anônimo disse...

EI BUCHO PORQUE TIRARAM O SHWO DE HORROR DE ANACLETO DO AR???? SÓ SE SALVAVA A GOSTOSINHA...

Anônimo disse...

sempre que fiz hora extra recebi tudo certinho, não só eu como a equipe que trabalho. O diretor Antônio Hino é um profissional maravilhoso, cobra quando tem que cobrar, briga quando tem que brigar e elogia quando tem que elogiar, Hino é um pai pra todo mundo ali na TV, pq tem gente que não deveria mais esta no sistema e ele sempre acredita na pessoa, ele ajuda, da uma nova chance, qualquer um que venha a falar mau dele é sem motivos.

Pedro A. disse...

Muito bom Bucho! acreditamos em voces!

Anônimo disse...

Concordo com o bucho paramos pra observar a programação do sistema Arapuan,ou falam de política ou aquele programa medíocre que passa pela manhã com uma apresentadora sem preparo algum, e falando nela soube que até em delegacia foi parar como o marido. Exemplo zero, tudo é refletido no profissional.

Anônimo disse...

essa pessoa q diz q recebeu as horas extras feitas na arapuan e q tá elogiando o diretor, que nem quero dizer o nome, deve ser muito amiguinho dele ou é ele mesmo. todo mundo sabe q quando ele saiu da tv correio teve até cervejada pra comemorar.

Anônimo disse...

é verdade, sou amiga dele mesmo, dentro e fora da empresa, agora você que deve ter muita raiva dele. É INVEJA? vá cuidar da sua vida seu mau amado

Anônimo disse...

se você não esta satisfeito na arapuan, vá para outro lugar.

Anônimo disse...

Eu não sei porque as pessoas estão citando o nome de Antônio Hino. Em nenhum momento, durante a matéria, o BF deu nome aos bois. É o sistema.

Lays Rodrigues disse...

O blog tá de parabéns! Só gostaria de pontuar uma coisa: "Estado" se escreve com inicial maiúscula quando designa conceito político ou unidade de Federação. Ex: O Estado da Paraíba ;)